[RESENHA] Corra! As utilizações do negro foram atualizadas

|Imagem: divulgação filme Corra!  E tudo começou quando um de meus ancestrais vivia tranquilamente em algum país do centro-sul do continente africano. A primeira utilização do corpo negro foi ali, nos prenderam através da força. Utilizaram esse mito que nos permeia, de sermos fortes e mais resistentes. Algo como alguma dotação ou benção divina, alguns […]Ler mais

[OPINIÃO] Por que não libertam Rafael Braga?

Eram 15 horas. O sol estava quente. Havia perdido meu ônibus e me locomovia para pegar outro na entrada do meu bairro. Esperei, e nenhum “Campo Grande” passou. De repente, vitória, vem o bendito, nem percebi o número de placa, só sei que é Campo Grande. Caio pra dentro. O veículo tá lotado, muito quente […]Ler mais

[PERFIL] Erica de Freitas, uma mulher negra no audiovisual

“Eu abri o curso com 30 vagas para meninas negras, 177 se inscreveram. Mais de um terço eram brancas. Percebi que a situação era mais grave do que eu imaginava”, conta Erica de Freitas, nova professora da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Desde criança ela troca o dia pela noite assistindo filmes de […]Ler mais

Os desafios de mulheres negras no mundo do cinema

Participei há pouco tempo de uma oficina de cinema e vídeo de um Festival de Cinema da minha cidade: Vitória/ES. A oficina foi ministrada por um cineasta brasileiro bem conhecido. E ele levou consigo seu cinegrafista e diretor de fotografia preferido. Para mim, uma das quatro mulheres, a única negra (talvez porque pra fazer a […]Ler mais

A auto-revolução das mulheres negras veio para te AFROntar

Você já sentiu o chão tremendo debaixo dos seus pés? Se ainda não, siga o conselho de Anita e “PREPARA”!  Porque existe um movimento forte e intenso acontecendo. E é basilar… vem do chão, das bases, das RAÍZES. Já está abalando e promete romper com as estruturas de uma sociedade que carrega, mundialmente, a fama […]Ler mais

Luta permanente: reflexões sobre o processo de tornar-se negro

Karine Silva dos Santos, Letícia Pinheiro Vidinha, Vitória Soares do Monte Pereira, da Plataforma dos Centros Urbanos de São Paulo (PCU/SP) | Fotos: Gabriela Santos O processo de formação de identidade é, sem dúvida, muito tortuoso para o jovem. O racismo pode influenciar gravemente na formação, aceitação e reconhecimento da negritude dos adolescentes e jovens, […]Ler mais