[POEMA e OPINIÃO] Trabalho infantil doméstico é ignorado

Dayana Silva (PA), adolescente comunicadora em Brasília; e Rose Veloso (PB), colaboradora da AJN em Brasília Infelizmente, no mundo todo, ainda há crianças e adolescentes trabalhadoras domésticas. As meninas são a maioria nesse tipo de trabalho  e na África se encontra o maior número de crianças nessa situação. Mas todos os países e indivíduos têm […]Ler mais

OUÇA: Para você, qual a pior forma de trabalho infantil?

Durante a 3ª Conferência Global sobre Trabalho Infantil, perguntamos para alguns dos participantes qual era a pior forma de trabalho infantil. É importante lembrar que todas as formas, envolvendo crianças, são consideradas ilegais, fato destacado por todos que nos concederam entrevistas. No entanto, pedimos que cada um apontasse uma atividade de trabalho que viola os […]Ler mais

Confira a Declaração dos Adolescentes participantes da 3ª Conferência Global

Da Redação Foram encerradas nesta quinta-feira, 10 de outubro, as atividades da 3ª Conferência Global sobre Trabalho Infantil, que reuniu delegações de 130 países para reafirmarem o compromisso de erradicar, até 2016, as piores formas de trabalho envolvendo crianças. E um dos momentos do último dia contou com a presença dos adolescentes brasileiros que realizaram […]Ler mais

“Transformamos a erradicação do trabalho infantil em política de Estado”,

Em entrevista aos adolescentes comunicadores da III Conferência Global sobre Trabalho Infantil, a ministra Tereza Campello, do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, afirmou que outros países acham que o Brasil é uma referência na erradicação do trabalho infantil. “Isso porque o governo assumiu que a questão precisa ser enfrentada e os resultados mostram que […]Ler mais

#FimdoTrabalhoInfantil Exemplo de militância e sensibilidade

Thailane Oliveira (RJ) e Sarah Suzane (AC), adolescentes comunicadoras em Brasília | Imagem: Felipe Campos Borges, educomunicador Durante o segundo dia da III Conferência Global Sobre Trabalho Infantil, em Brasília, o indiano Kaillash Sathyaste concedeu uma entrevista aos adolescentes comunicadores. Ele disse que conscientizar as pessoas mais tradicionais de que uma criança não deve trabalhar, […]Ler mais

PARA LER E ASSISTIR: Confira o boletim bilíngue da Conferência

Foi distribuído durante as atividades de hoje da Conferência Global sobre Trabalho Infantil a 1ª edição do boletim impresso Saca Só!, feito em edição bilíngue (português e inglês) pelos adolescentes participantes da cobertura educomunicativa. O impresso trouxe os principais destaques do primeiro dia do evento e pode ser baixado em PDF ao clicar aqui.   […]Ler mais

Ouça as impressões dos adolescentes sobre o primeiro dia da

Por Suzana Silva (PE), Cazuza Vonmuller (SC) e Daniele Fiel (PB), adolescentes comunicadores em Brasília (DF) Educomunicadoras: Cassia Barbosa (PE), Rose Veloso (PB), Maria Luiza Moura (GO) e Elisangela Nunes (SP) Na tarde do primeiro dia da 3ª Conferência Global sobre Trabalho Infantil, que acontece em Brasília (DF) até 10 de outubro, parte dos adolescentes […]Ler mais

PARA LER E OUVIR: “Erradicação do trabalho infantil é um

Por Hilamy Mar Moreira, 16 anos, e Marco Antônio Gama, 16 anos, adolescentes comunicadores em Brasília (DF) Educomunicadores: Bruno Ferreira e Rafael Silva / Foto: Wesley Bizzol, de 17 anos “Esse evento representa o fortalecimento e globalização do tema Trabalho Infantil. Devemos às crianças uma infância sem violência, sem medo e sem exploração, com educação. […]Ler mais