Reunião com GCM, skatistas e Subprefeitura da Sé discutem utilização da Praça Roosevelt

O objetivo do encontro foi intensificar o diálogo entre moradores, comerciantes e frequentadores do espaço público. Foi discutida a implantação de uma área reservada à prática do skate.

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Subprefeitura da Sé e da Guarda Civil Metropolitana (GCM), realizou na tarde desta terça-feira (8/1) uma reunião na Praça Roosevelt, região central da Capital, com o objetivo de intensificar o diálogo entre moradores, comerciantes e frequentadores do espaço público.

No encontro, ficou definido que haverá uma nova reunião na próxima quarta-feira (16/1), a partir das 15 horas, na Subprefeitura Sé, com o objetivo de avançar nos entendimentos para uma melhor utilização da Praça Roosevelt.

Um dos pontos em comum entre as partes foi a da implantação de uma área reservada à prática do skate na Praça Roosevelt. “Para isso acontecer, haverá a necessidade de pequenas obras na praça, e vamos executá-las. Há uma boa vontade entre as pessoas que usam a praça. Esse espaço seria um avanço para os frequentadores”, disse Barreto. As intervenções passarão por estudos na Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana e Obras, por meio da São Paulo Obras (SPObras).

Um projeto para uma área de skate foi realizado por meio de skatistas interessados em criar um espaço conceitual na Roosevelt. Nesta concepção, seriam realizadas obras de reforços nos equipamentos urbanos, como corrimãos e muretas, e a construção de cinco rampas. “Em novembro de 2012, houve uma vistoria no local. Para adaptar e para o bem do skatista, seria isolada uma área. Ela visaria a prática do skate e possibilitaria a segurança de pedestres e freqüentadores”, apontou Edson Scander.

Enquanto as obras não acontecem, a GCM continuará preservando o patrimônio da praça, conforme ressaltou a inspetora Lindamir Magalhães. “A Guarda é amiga, protetora e aliada da população. A Praça deve ser utilizada de forma harmônica por todos. Por conta disso, a corporação seguirá buscando pacificar a utilização do espaço”.

Fonte Prefeitura de São Paulo

Foto Raphael Tsavkko Garcia

 

Ver +

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *