Gaslighting abstract concept vector illustration. Psychological manipulation method, mental destabilization, cognitive dissonance creation, changing beliefs, contradiction abstract metaphor.

Repressão emocional em adolescentes e suas consequências

Ignorar sinais e reprimir sentimentos pode agravar casos de depressão e atrapalha o desenvolvimento de competências socioemocionais. Precisamos falar sobre isso

Por Larissa Helena Carneiro

Você já ouviu que “não tem motivo para ficar cansada(o), já que só estuda”, que “está na ‘aborrecência’” ou que “ainda é muito nova(o) pra saber o que é estar triste de verdade”?

A maioria dos adolescentes já ouviu frases como essas ao menos uma vez, geralmente de familiares mais velhos que, mesmo sem intenção, tiram seu direito de sentir determinados sentimentos e sensações.

Psychological manipulation method, mental destabilization, cognitive dissonance creation, changing beliefs, contradiction abstract metaphor. By vectorjuice / Freepik

Ao ter seus sentimentos invalidados ou reprimidos, adolescentes não têm a chance de explorá-los, deixando de desenvolver inteligência emocional, ou seja, a capacidade de entender emoções, controlar impulsos e guiar relacionamentos com maturidade. Essa competência é essencial para a manutenção da saúde mental, para um convívio social harmonioso e para o bom desempenho em diversas áreas da vida – como a acadêmica, por exemplo -, como foi explicado nessa edição do programa Saia Justa:

A falta de acolhimento, apoio e orientação também pode levar a um problema mais grave: a depressão. Segundo a matéria “Quais os principais motivos da depressão na adolescência?”, do Instituto de Psiquiatria Paulista, a “dificuldade de identificar e interpretar as próprias emoções em um momento de distanciamento da infância e desvinculação de outras pessoas e costumes” pode ser um dos fatores desencadeadores desse distúrbio.

A mesma matéria reforça que é preciso ter empatia com  adolescentes e estar atento aos possíveis sinais de depressão que, caso identificados, devem ser comunicados a um psiquiatra. Em seu canal no YouTube, a psicóloga Kelliny Dório também fez orientações importantes a pais de adolescentes e jovens em depressão:

Para saber mais sobre a importância da inteligência emocional e sobre depressão na adolescência, deixo como sugestão os vídeos abaixo. Deixa nos comentários o que você achou do tema!

Ah: Está passando por um momento difícil e precisa conversar? Ligue gratuitamente para 188. Você não precisa se identificar!

Ver +

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *