Pesquisa vai mapear sentimento das juventudes diante da pandemia

Pesquisa #JuventudeseCovid quer ouvir jovens de vivências e realidades sociais diversas sobre como veem as consequências da pandemia em suas vidas e na sociedade brasileira.

Por Redação AJN

A pandemia do coronavírus trouxe novos desafios em diversas esferas da sociedade. O fato é que esse contexto mudou radicalmente o nosso jeito de interagir e viver o cotidiano, com a adoção de diversas ações para diminuir os danos da contaminação da Covid-19.

Como se sabe, o Brasil enfrenta sérias dificuldades econômicas, sociais e políticas que tornam a tarefa de exercer medidas de prevenção com segurança e manter a saúde mental um desafio de grandes proporções. Dependendo das particularidades de cada região, este desafio se torna ainda mais delicado, principalmente quando estamos falando das juventudes.

Para entender como as juventudes vêm enxergando a pandemia no Brasil e as consequências do isolamento social em suas vidas e na sociedade, foi lançada a pesquisa virtual “Juventudes e a Pandemia do coronavírus (Covid-19)”.

A pesquisa, coordenada pelo Conselho Nacional de Juventude (CONJUVE), e realizada com apoio das entidades parceiras Em Movimento, Fundação Roberto Marinho, Mapa Educação, Rede Conhecimento Social, UNESCO, Porvir e Visão Mundial, tem como objetivo coletar informações úteis para criar estratégias mais efetivas e inclusivas de enfrentamento dos desafios impostos pela COVID-19.

A campanha que divulga a pesquisa está nas redes sociais. Na página do Em Movimento no Instagram, a jovem Thaynah Gutierrez reforça o convite à participação de todes:

Jovens entre 15 e 29 anos de qualquer lugar do Brasil são convidades a participar, respondendo o questionário disponível no link abaixo. As perguntas levam poucos minutos para serem respondidas e quem quiser participar tem até o dia 26 de maio para acessar.

Clique aqui para participar:
“Juventudes e a Pandemia do Coronavírus”

Ver +

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *