Participação cidadã de jovens será o tema do Dia Mundial da Juventude 2015

Jovem Presente (1)

Da Redação | Imagem: Acervo Viração

Em 12 de agosto, estão programadas atividades, em todos os continentes, para debater os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) e o papel dos jovens no fim da pobreza e cuidado com o planeta

 Ao redor do mundo, algumas datas estão se tornando emblemáticas por tratar de assuntos ou questões importantes e comuns aos diferentes países e pessoas.

O Dia Internacional da Juventude é celebrado todo ano no dia 12 de agosto, por resolução da Assembleia Geral da ONU em 1999, em resposta à recomendação da Conferência Mundial de Ministros Responsáveis pela Juventude, em Lisboa, em agosto de 1998.

É uma data importante para mobilizar e dialogar com a juventude, seu papel e sua ação a partir de temas, formatos e das vozes dos próprios jovens. Assuntos importantes já fizeram parte dos eventos comemorativos ao redor do mundo, como sustentabilidade (2009), mudanças climáticas (2008), pobreza (2006), desenvolvimento (2002) e trabalho digno e produtivo (2003).

Este ano o tema será “Youth Civic Engagement”, o que em português poderia ser traduzido como “Participação Cidadã da Juventude”. Este tema é muito estratégico no ano em que nações de todo o mundo acabam de definir os novos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) que pautam a agenda pós-2015 para substituir os ODM e criar metas, estratégias e indicadores capazes de impactarem profundamente as desigualdades, a devastação do planeta e as violações de direitos no mundo de hoje.

Estrategicamente, organizações, redes e coletivos de juventude, ao redor de todo o mundo, estão organizando atividades de mobilização dos jovens em torno dos ODS. O objetivo é pensar o papel e construir caminhos para a participação cidadã da juventude para o fim da pobreza e o desenvolvimento sustentável do planeta.

No Brasil, a Viração Educomunicação está numa parceria com a Abong – Organizações em Defesa dos Direitos e Bens Comuns, a ONG Engajamundo e IBEAC na organização de atividades para o dia 12 de agosto.

Uma parte das atividades diz respeito à mobilização nas redes. A proposta é que, com as hashtags #jovempresente e #youthpower, jovens de todo o país postem opiniões sobre os ODS e o papel da juventude. Essas opiniões serão publicadas nas nossas redes sociais  e no blog Brasil Pós-2015, além dos parceiros internacionais da Campanha Action 2015 e Beyond 2015.

A outra ação será uma roda de conversa com jovens ativistas para entender mais sobre os ODS, que acontecerá com jovens de Parelheiros, região sul de São Paulo, região que tem uma forte ligação com debates sustentáveis por ser uma das maiores fornecedoras de água de São Paulo e Região Metropolitana. Seu crescimento está diretamente relacionado com desenvolvimento sustentável e o fim da pobreza. Durante a roda, vai rolar um jogo interativo sobre temas correlatos e a entrega de um kit ativismo.

Um fato muito interessante é que a roda de conversa vai acontecer na Biblioteca Comunitária Caminhos da Leitura, que existe desde 2010, e ocupa um terreno cedido no Cemitério Alemão de Colônia, em Parelheiros. Tudo começou com o projeto Pílulas de Leitura, desenvolvido pelo IBEAC. As atividades ensinavam sobre escrita criativa e técnicas de mediação de leitura para adolescentes da comunidade, que não tinham nenhum lugar de leitura.

Jovens no desenvolvimento da sociedade civil

A ONU define como jovens aqueles com idades entre os 15 e os 24 anos. No Brasil, são de 15 a 29 anos, de acordo com o Estatuto da Juventude. Os jovens representam 18% da população global ou 1,2 mil milhões de pessoas e 87% dos jovens vivem em países em desenvolvimento enfrentando desafios trazidos pelo acesso limitado a recursos, a cuidados de saúde, educação, emprego, entre outros.

Tá na Mão

Biblioteca Comunitária Caminhos da Leitura

Rua Sachio Nakao, 28 – Colônia Paulista/Parelheiros/São Paulo

Piquenique e roda de conversa: das 12h às 16:30h

Conheça mais das organizações parceiras em:

Viração

Abong

Engajamundo

IBEAC

Bruno Ferreira
Jornalista, professor e educomunicador. Responsável pelos conteúdos da Agência Jovem de Notícias e Revista Viração.

Ver +

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *