Juventude pelo clima

Confira imagens dos atos da #GrevePeloClima, que aconteceu em diversas cidades brasileiras e por todo o mundo

Na última sexta-feira, 24 de setembro, aconteceu em diversas cidades brasileiras a Greve Pelo Clima.

Foto: Roberto Parizotti / Fotos Públicas

Os atos acompanharam a chamada global do movimento Fridays For Future, que busca conscientizar cada vez mais pessoas sobre a necessidade de repensar o modelo econômico atual, baseado na exploração constante do meio ambiente, para tentar conter o avanço da crise climática, que já materializa seus efeitos: ondas de calor seguidas de ondas de frio intenso, tempestades de vento e areia e chuvas fortes, entre outros.

A juventude que encabeça a mobilização pauta os atos na emergência de frear a crise climática e as desigualdades ao mesmo tempo, e de combater a lógica colonialista de exploração.

 Reivindicam coletivamente que os líderes mundiais e tomadores de decisões acabem de vez com a queima de combustíveis fósseis e com o desmatamento.

Fridays For Future Brasil

No mundo todo, foram registrados atos da Greve Pelo Clima em 86 países. Os atos do Brasil foram pautados respeitando as medidas de segurança impostas pela pandemia.

Na noite de quinta-feira, 23, projeções tomaram prédios públicos de Brasília e de outras cidades, marcando o início das mobilizações:

Na sexta-feira, 24, jovens tomaram as ruas com cartazes e performances levando os temas da campanha e críticas ao governo Bolsonaro:

Amanda da Cruz Costa, jovem ativista pelo clima e colunista da AJN, esteve no ato em São Paulo. Ela falou para a AJN sobre a importância dos atos da última sexta-feira e da participação da juventude brasileira no evento global:

a mobilização foi mega importante, foi um marco pra juventude global. Em Berlim a gente conseguiu ter cerca de 100 mil pessoas, 100 mil jovens engajados na luta. E no Brasil, em várias cidades a gente puxou um movimento forte, mostrando que a juventude brasileira está acompanhando os tomadores de decisão, está se engajando virtualmente mas também está indo pras ruas, olhando pro nosso futuro, sabendo da importância de estarmos conectados com esse tema e de incidir politicamente para que ações em prol do clima sejam colocadas em prática.

Amanda da Cruz Costa

Ver +

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *