Já começaram as atividades do Seminário de Justiça Socioambiental e Mudanças Climáticas: Desafios e Compromissos.

Por Reynaldo de Azevedo (MG), da Renajoc e da Agência Jovem de Notícias

Desenvolvimento, sustentabilidade, consumo, justiça socioambiental entre outros temas serão trabalhados durante o seminário Justiça Socioambiental e Mudanças Climáticas: Desafios e Compromissos, que acontecerá entre os dias 20 e 22 de novembro na Faculdade EST- Escola Superior de Teologia em São Leopoldo- RS.

A proposta do encontro é refletir sobre o contexto de injustiças e de degradação ambiental e sua relação com a atuação em emergência, bem como perceber e assumir desafios para a promoção de justiça socioambiental.

A mesa de abertura do seminário reuniu pessoas que atuam em prol da justiça Socioambiental e mudanças climáticas, como a representante do Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis, Maria Tugira da Silva, 52 anos, que falou sobre a importância de se realizar espaços como esses para que as pessoas de diversos grupos sociais e idades tenham acesso à informação sobre sustentabilidade, agricultura familiar, entre outros temas. “Espero aprender e contribuir para o crescimento de todos e que várias pessoas possam ter acesso sobre os diversos temas sobre sustentabilidade”.

A mesa contou também com a presença de Ingrid Geisel, coordenadora do CAPA- Centro de Apoio ao Pequeno Agricultor – Núcleo Erechim; Rita Surita, coordenadora do CAPA – Núcleo Pelotas; Vilmar Saar, coordenadora do CAPA – Núcleo Marechal Candido Rondon; Elaine Zanette, coordenadora do CAPA –  Núcleo Verê; Oneide Bobsin, reitor da faculdade EST; Sighard Hermany, coordenadora do CAPA – Núcleo Santa Cruz do Sul; e Renata Gierus,  coordenadora do COMIM.

O seminário vai dar continuidade aos seus trabalhos com painéis e palestras que abordaram os cenários de vários agravantes ambientais que o Brasil vem sofrendo pelo modelo da sociedade de consumo.

Reynaldoag

Ver +

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *