FESTIVAL LITERÁRIO INFANTOJUVENIL DA CASA

1º Festival Literário Infantojuvenil da Casa, com curadoria da poeta Tatiana Fraga, traz diálogos e práticas acerca da leitura e literatura como ferramentas educativas e cidadãs em mesas de discussão, oficinas e apresentações culturais

A Casa de Cultura do Parque convida profissionais da área de educação, mediação de leitura, escritores, ilustradores, narradores de histórias, arte-educadores, ativistas dos direitos humanos para discutir temas da agenda contemporânea com os responsáveis pela educação de crianças e jovens

O 1º Festival Literário Infantojuvenil da Casa (Fliic) acontecerá entre os dias 2 e 7 de março de 2021, oferecendo atividades online e gratuitas, que discutirão conceitos relevantes aos públicos interessados na literatura infantil e infantojuvenil. Mediação de leitura, literatura para bebês, adolescência, questões étnico-raciais, acessibilidade, direitos humanos e a escola digital em tempos de pandemia e pós-pandemia são os principais temas abordados pelos convidados.

Como a literatura pode auxiliar na mediação de conversas sobre essas questões com jovens e crianças? Cinquenta convidados de diversas áreas vão dialogar com professores, educadores, mães, pais, cuidadores e demais interessados durante os seis dias da programação organizada por temas em mesas de discussão, oficinas educativas e apresentações culturais com narração de histórias e performance poética.

As propostas de formação por meio de mesas de discussão e atividades de incentivo à leitura da Fliic oferecem aos públicos ferramentas para ultrapassar fronteiras e construir acessos para sentir, fazer, aprender e transformar. Profissionais de escolas, famílias, comunidade e terceiro setor, em parceria, deslocam a leitura para outro patamar, não apenas como ferramenta de aprendizado, mas também de conhecimento, experiência, investigação e afeto. 

“A literatura é um território de construção de sentidos e descobertas, uma área do conhecimento que descortina uma experiência singular de relação com o mundo e de desenvolvimento de si e do outro, mas também de aprendizado e apropriação de competências. A linguagem artística revela não apenas entendimento do presente, mas compreensão do passado e elaboração de perspectivas futuras”, analisa Tatiana Fraga, poeta e curadora do Fliic.

Todas as atividades serão realizadas via streaming pelo Youtube Casa de Cultura do Parque, com acesso universal e gratuito, e contarão com intérprete de libras. Durante o festival, as editoras parceiras oferecerão descontos em seus catálogos.

Oficinas #NoQuintal

Com curadoria educativa de Mayra Oi Saito, o FLIIC conta com as Oficinas #NoQuintal em todos os dias da programação. O programa apresenta propostas e abordagens diversas, em diálogo com a programação de todas as mesas.

Elaboradas e apresentadas por artistas-educadores que vivenciam as pesquisas compartilhadas, o grupo corporifica a própria diversidade de perspectivas, repertórios e representatividade proposta em todo o festival. Há educadores envolvidos na rede pública de ensino, cultura popular, instituições culturais, ativistas de movimentos de mulheres, luta por moradia e questões étnico-raciais.

A curadoria educativa também atuou na composição dos temas e convidades das mesas, ao lado de Tatiana Fraga, para que o evento esteja voltado à inclusão, acessibilidade e neutralização de gênero na linguagem.

O Fliic – 1º Festival Literário Infantojuvenil da Casa é uma iniciativa da Casa de Cultura do Parque e realização por meio do Governo do Estado de São Paulo/Secretaria de Cultura e Economia Criativa, Governo Federal, Proac Expresso Lei Aldir Blanc nº 40/2020 (produção e realização de Festival de Cultura e Economia Criativa com Apresentação Online).

PROGRAMAÇÃO

Entre 2 a 7 de março, de forma online e gratuita, o festival terá mesas de debates e oficinas, tudo sob curadoria de Tatiana Fraga e a presença de autores como Amara Moira, André Dahmer, Bel Santos Mayer, Daniel Munduruku, Heloísa Pires de Lima, Natasha Felix, Triscila Oliveira, Geni Nuñez, entre outros, destacando a pluralidade dos encontros, que prezam pela diversidade. 

O evento terá acessibilidade em LIBRAS em todas as mesas e atividades e uma feira literária online acontece junto com as atividades também. As transmissões acontecem no canal da Casa de Cultura do Parque no YouTube.

participantes do FLIIC 2021 / divulgação

Ver +

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *