Durante seminário, pesquisadores apontam desafios para a garantia dos Direitos Humanos no Brasil

seminário

Maria Carolina Arruda Branco e Nathalia Rodrigues, jovens comunicadoras da Agência Jovem de Notícias, de SP

No último sábado, 6 de setembro, aconteceu o 1º Seminário Marista de Direitos Humanos e Educação, uma iniciativa da Rede de Solidariedade Marista e o Colégio Marista com o intuito de aprofundar a discussão sobre Direitos Humanos no ambiente escolar e a Agência Jovem de Notícias esteve presente para acompanhar o evento.

Na mesa de abertura, a professora dra. Flávia Schilling (FEUSP) comentou sobre a importância da Declaração Universal de Direitos Humanos, criado em 1948 pelos países signatários da ONU, na construção social, no cotidiano e no meio educacional. “Estamos dentro dos Direitos Humanos o tempo todo. Todos são iguais em suas diferenças”, afirmou.

Embora a democracia represente, entre outros significados, a pluralidade e a igualdade de direitos, Flávia ressaltou que o Brasil tem horror à igualdade, e completou dizendo que a vivência dos direitos é muito recente neste País, difícil de lidar com o outro, e este é um problema que percorre entre classes na sociedade. Lembrou, também, que cada direito implica em uma série enorme de deveres.

Ainda no momento inicial, o professor dr. Adolfo Calderón (PUC-Campinas) tratou sobre Direitos Humanos e Educação: Reflexões para a práxis educacional. “Todos têm direito à liberdade, mas alguns têm mais direitos de usufruir”, comentou Adolfo.

Para dar ênfase em sua palestra, ele apegou à ideia de autores como Karl Marx, Paulo Freire, Augusto Comte, Edgar Morin e ainda trouxe o contexto da Revolução Francesa (1789) como um dos princípios dos direitos da humanidade (Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão). Adolfo comentou sobre o muro de Tijuana, que divide os EUA do México, e usou uma metáfora para retratar a atualidade quando disse que “os arames estão invisíveis no dia-a-dia”. Finalizou com a frase de Orwell: “alguns animais são mais iguais que outros”.

Jornalista, professor e educomunicador. Responsável pelos conteúdos da Agência Jovem de Notícias e Revista Viração.

Ver +

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *