Desconstruindo a LGBTfobia

Websérie produzida por jovem participante do Pra Brilhar foi ao ar nas redes sociais da Viração na semana internacional de combate à LGBTfobia está disponível na íntegra no canal da OSC no YouTube


O dia 17 de maio, Dia Internacional de Combate à LGBTfobia, marcou o começo de uma semana de combate à LGBTfobia no Pra Brilhar. A Guilhermina de Paula, jovem que participa da turma 2021.1 do projeto, produziu uma série de vídeos desconstruindo algumas das principais formas de preconceito contra as populações LGBTQIA+ de forma descontraída e muito direta.

No vídeo #02, a Guilhermina falou da importância de focarmos na desconstrução destas e outras formas de preconceito, e trouxe um pouco da história do dia 17 de maio, como e quando foi que essa data se tornou um símbolo de liberdade e diversidade:

No episódio #04, ela falou sobre a lesbofobia, e sobre como mulheres lésbicas cis e trans sofrem com fetichização, diversas formas de assédio e violência sexual, além de comentários que invalidam  sua sexualidade em praticamente todo lugar:

Não, não está faltando nada ali! Não, não falta conhecer “o homem certo

Já no episódio #06, o tema foi a transfobia no Brasil. Ela contou o quanto esse tema mexeu com ela que, por ser uma mulher trans/travesti, sente na pele essa discriminação. Apesar das conquistas, a Guilhermina falou sobre como a nossa sociedade ainda caminha muito devagar para ter direitos garantidos a todas as pessoas. 

Aqui no Brasil, ainda vemos aumentar os números de casos de LGBTfobia, violência e morte de pessoas trans – a maioria mulheres trans pretas. Todo dia é um 7×1 diferente, todo dia uma batalha pela vida. A Guilhermina trouxe muita informação sobre a transfobia. 

A série ainda abordou temas como a homofobia e a bifobia, além de trazer dicas práticas de como deixar os preconceitos de lado e brilhar na diversidade. Assista todos os 7 episódios no canal oficial da Viração no Youtube ou na página do Pra Brilhar no Facebook.

Sobre o projeto

O “Pra Brilhar” é um projeto da Viração Educomunicação em parceria com o Programa Municipal de DST/Aids da Prefeitura de São Paulo. Atua em caráter de prevenção, com o objetivo de contribuir para a diminuição da epidemia de HIV/Aids entre a juventude gay da cidade.

Para isso, oferece uma jornada de aprendizado para homens gays e HSH (homens que fazem sexo com homens) – selecionados a partir de critérios de classe e cor. São 10 encontros formativos sobre gênero, sexualidade, direitos humanos e prevenção combinada ao HIV/Aids e outras ISTs.

As oficinas envolvem a produção de conteúdos educomunicativos em diversos formatos, divulgados no site institucional do projeto. Ao final de cada circuito, o grupo também prepara e executa intervenções urbanas na região do Largo do Arouche – local de sociabilidade LGBTQI+ e bairro que apresenta a maior taxa de detecção de HIV na cidade de São Paulo.  Desde 2020, as atividades do projeto foram reformuladas para acontecer de forma totalmente virtual, atendendo às exigências vindas da pandemia de Covid-19.

Desta forma, é possível multiplicar os conhecimentos para outras pessoas e compreender as práticas/culturas sexuais destas juventudes – auxiliando no aperfeiçoamento contínuo da ação coletiva e políticas públicas para o combate ao HIV/Aids.

Visite o site do Pra Brilhar e acompanhe as produções no Facebook e nas redes sociais da Viração Educom.

Ver +

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *