Cinema africano é tema de curso

A biblioteca Alceu Amoroso, localizada no bairro de Pinheiros, em São Paulo, oferece no mês de agosto um curso sobre o cineasta-escritor senegalês Ousmane Sembèle, conhecido por ser um dos representantes da jovem cinematografia africana, cuja obra gira em torno da luta anti-colonialista no continente.

Os idiomas presentes no continente são considerados elementos de luta política frente à colonização européia no cinema de Sembèle, dada a possibilidade de gerarem consciência política nos colonizados. A busca e o registro da memória popular e a recusa aos padrões europeus impostos pelo colonizador são características do cinema de Sembèle.

Confira a programação do curso!

Ver +

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *