Atletas e esportistas se juntam ao UNICEF pelo direito ao esporte

unicef

No último dia 05 de junho o UNICEF lançou a campanha Podemos ser ainda melhores, criada em parceria com agência Ogilvy. A campanha convida cada país participante da Copa a uma conquista diferente: a estrela do UNICEF, que representa o compromisso de trazer mais vitórias para a infância.

O coordenador técnico da Seleção Brasileira de Futebol, Carlos Alberto Parreira, e a jogadora Marta Silva deram o pontapé inicial. A eles somaram-se o nadador Samir Barel, o surfista Alejo Muniz e o skatista Kelvin Hoefler. Juntos, aproveitam o auge da Copa do Mundo para chamar atenção para o direito ao esporte seguro e inclusivo de todas as crianças e adolescentes. A campanha é liderada pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF).

A campanha foi lançada na Granja Comary, onde as crianças convidaram os craques da Seleção a participar da campanha. Elas entregaram a cada jogador uma camiseta oficial da campanha, o Manifesto do UNICEF pelo Direito ao Esporte e desenhos feitos por elas com seus desejos de sucesso para a Seleção Brasileira na Copa do Mundo.

Os atletas dividem espaço com meninos e meninas nas redes sociais do UNICEF, mostrando porque a brincadeira e a prática do esporte são importantes para a infância e a adolescência. Para o coordenador técnico da Seleção, Carlos Alberto Parreira, o esporte é sem dúvida alguma uma maneira de mobilizar, socializar, transformar a vida das crianças. Destaca, entretanto: “Eu dei aula no subúrbio do Rio de Janeiro e vi a dificuldade que era para as crianças e os adolescentes praticarem o futebol”.

A campanha Podemos ser ainda melhores também ganhou a participação de atletas de outros países. Foi o caso do jogador espanhol Sérgio Ramos, que abriu espaço em sua agenda para conversar e bater bola com crianças e adolescentes em Curitiba, em sua estada no Brasil.

O zagueiro espanhol Sérgio Ramos e o atacante mexicano Chicharito Hernandez também aderiram à campanha, apoiando com a produção de vídeos e fotos. Ambos são embaixadores do UNICEF em seus países de origem.

A campanha Podemos ser ainda melhores faz parte da iniciativa global #TeamUNICEF, em sintonia com a iniciativa regional (América Latina e Caribe) #VamosJogar.

 

carolina ellmann

Ver +

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *