As aventuras de pinóquio em Varsóvia – Quinto capítulo

Hoje meu amigo Grilo Falante organizou uma reunião no restaurante com duas pessoas muito interessantes: Mariagrazia Midulla, do WWF Italia, e Simone Pelissetti, da Cruz Vermelha. Eles foram muito gentis comigo: me contaram que se sentem um pouco sós, que são poucos os jornalistas e as ONGs italianas presentes e que, por isso, ficaram especialmente felizes em conhecer os jovens da Agenzia di Stampa Giovanile. Me contaram que as negociações não estão indo tão bem e que existem grandes corporações, como aquela do carvão, gerida por um certo Cospe-fogo, que tornam as coisas cada vez mais difíceis. Mas eles não se dão por vencidos. Me disseram “Pinóquio, você não deve se deixar abater. Deve trabalhar no cotidiano e verá os resultados. Os gatos e lobos que se escondem pelos corredores da COP, no final, levarão a pior”. Espero, nos próximos dias, conseguir encontrar pessoas assim valiosas, que me emocionem e me façam sentir vivo, como um menino de carne e osso.

 

Le avventure di Pinocchio a Varsavia – Quinta Puntata

Oggi il mio amico Grillo Parlante ha organizzato un meeting al ristorante con due personaggi davvero interessanti: Mariagrazia Midulla di WWF Italia e Simone Pelissetti della Croce Rossa. Sono stati tanto carini con me: mi hanno raccontato che si sentono un pó soli, che pochi sono i giornalisti e le ONG italiane presenti, per cui sono stati particolarmente felici di conoscere i ragazzi dell’Agenzia di Stampa Giovanile. Mi hanno raccontato che le negoziazioni non stanno andando poi cosí bene e che ci sono grandi Corporacion, come quella del carbone gestita da un certo Mangiafuoco, che rendono le cose sempre piú difficili. Ma loro non si danno per vinti. Mi hanno detto “Pinocchio non devi farti abbattere, bisogna lavorare nel quotidiano e vedrai i risultati, i Gatti e le Volpi che si nascondono tra i corridoi della COP alla fine avranno la peggio”. Spero nei prossimi giorni di riuscire ad incontrare altre persone cosí valide, che mi facciano emozionare, che mi facciano sentire vivo, come un bambino in carne ed ossa.

 

Evelyn Araripe é jornalista e educadora ambiental. Foi educomunicadora na Viração Educomunicação entre 2011 e 2014. Atualmente vive na Alemanha, onde é bolsista do programa German Chancellor Fellowship for tomorrow’s leaders e administra o blog Ela é Quente, que conta as histórias de vida de mulheres que estão ajudando a combater os efeitos das Mudanças Climáticas ao redor do mundo.

Ver +

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *