Photo by ThisisEngineering RAEng on Unsplash

5 cientistas brasileiras para se inspirar

No Dia Internacional das Mulheres e Meninas na Ciência, vem conferir essa lista de mulheres que desenvolvem trabalhos incríveis no mundo da ciência pra você seguir hoje mesmo e ampliar suas referências.

Por Larissa Helena Carneiro

O Dia Internacional das meninas e Mulheres na Ciência, comemorado em 11 de fevereiro, celebra o espaço e a notoriedade conquistados por cientistas. Por mais que a participação feminina na ciência ainda seja inferior à masculina, os mais diversos campos de conhecimento avançam diariamente graças ao trabalho de mulheres apaixonadas pelo que fazem; conheça agora 5 delas, que se destacam em suas áreas de atuação.

1. Gabriela Padilha Bailas

“Bibi” Bailas tem um extenso currículo de formações: é licenciada, mestre e doutora em Física, tendo estudado no Brasil, em Portugal e na França. Hoje, trabalha com Mecânica Quântica na cidade de Tsukuba, do Japão, e faz pós-doutorado. Em seu canal do Youtube, Física e Afins, divulga a ciência, fala sobre suas experiências acadêmicas, alerta sobre charlatanismos e muito mais.

2. Rita de Cássia dos Anjos

Rita de Cássia dos Anjos / Foto: UFPR

Rita é graduada em Física Biológica e mestre, doutora e professora de Física – leciona no campus de Palotina da Universidade Federal do Paraná. Graças a sua notável pesquisa sobre raios cósmicos (partículas muito energéticas, que vêm do espaço e podem nos ajudar a entender a história do universo), foi premiada pelo programa “Para Mulheres na Ciência 2020”, que é promovido pela L’Oréal Brasil em conjunto com a Unesco e com a Academia Brasileira de Ciências.

3. Natalia Pasternak Taschner

Por Paulo Vitae-Instituto Questão de Ciência – Acervo do Instituto Questão de Ciência

Formada em Ciências Biológicas e PhD (Doutora da Filosofia) com pós-doutorado em Microbiologia, Natalia é uma pesquisadora muito presente na mídia: frequentemente dá entrevistas ao Fantástico e populariza o conhecimento científico através do Instituto Questão de Ciência – o primeiro do país com o objetivo de defender o uso da ciência nas políticas públicas, cujo ela preside – e da revista de mesmo nome. No ano passado, por promover o ceticismo, foi a primeira brasileira a entrar para o Comitê para a Investigação Cética e ganhou o prêmio internacional Navalha de Ockham.

4. Anita Canavarro Benite

Anita é licenciada em Química, mestre e doutora em Ciências. Dá aulas na Universidade Federal de Goiás, coordena o Laboratório de Pesquisas em Educação Química e Inclusão (LPEQI), idealizou o Projeto Investiga Menina, que inspira garotas negras a seguirem carreiras científicas, presidiu a Associação Brasileira de Pesquisadores(as) Negros(as) de 2016 a 2018 e fundou o Coletivo CIATA – Grupo de Estudos sobre a Descolonização do Currículo de Ciências. Se engaja em discussões sociais, como o ensino de ciências relacionadas a culturas africanas e diaspóricas.

5. Tabata Amaral

Tabata Amaral / Foto: site Deputada Tabata Amaral

Com apenas 27 anos, Tabata é formada em Ciência Política e Astrofísica pela Universidade de Harvard, deputada federal, escritora, colunista e cofundadora do Mapa Educação, que mobiliza jovens em prol da educação de qualidade, e do Movimento Acredito, que busca uma renovação política. No ano de 2019, esteve na lista das 100 mulheres mais influentes do mundo, organizada pela BBC. Em 2020, lançou seu primeiro livro: “Nosso lugar: O caminho que me levou à luta por mais mulheres na política”.

E então, por qual você se interessou mais? Já conhecia alguma delas? Sabe alguma outra cientista interessante? Conta aí nos comentários!

E se quiser saber mais sobre mulheres que se destacaram na luta contra a pandemia, clique aqui para ler o texto da Rayana Burgos!

imagem mostra mulher com óculos de proteção de laboratório
Photo by ThisisEngineering RAEng on Unsplash

Para saber mais sobre essas e outras mulheres da ciência

Arte em fundo branco. Na esquerda, linhas finas coloridas e a foto de uma jovem de cabelos presos sorrindo.

Ver +

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *